in

Diretoria descarta a demissão de Rogério Ceni

Alexandre Vidal / Flamengo

Tendo sido contratado de forma oficial há apenas 3 semanas, o treinador Rogério Ceni não vive uma boa fase no Flamengo. Apesar do pouco tempo de treinamento, as duas eliminações das principais competições da temporada (Copa do Brasil e Libertadores), irritaram a torcida rubro-negra. No entanto, o treinador segue com prestígio com a diretoria, que descartou qualquer possibilidade de saída.

“O peso é gigantesco. A Libertadores tem um maior significado. Não há como mensurar prejuízo financeiro e de confiança. Temos de tentar seguir trabalhando firme para buscar o título que falta. O resultado final não expressa o que o time produziu. Se o resultado nos pênaltis tivesse sido diferente, seríamos tratados como heróis. Como não conseguimos, temos de dar explicações”, disse Ceni em coletiva após a partida.

Comentaristas como Edmundo e Petkovic criticaram muito as opções e substituições do treinador ao longo da partida contra o Racing, que terminou empatada em 1 a 1, tendo sido eliminado nos pênaltis.

Em seis partidas pelo Flamengo, Ceni teve apenas 1 vitória, 3 empates e 2 derrotas, acumulando 2 eliminações de torneios que fariam a diferença na parte financeira do clube.

Prejuízo financeiro em eliminação do Flamengo pode dificultar permanência de Pedro

Fla deveria demitir Ceni e contratar Guardiola ou Zidane, diz Neto