in

Prefeito dá o aval para o Flamengo erguer seu estádio em novo local

Divulgação / Flamengo

O Flamengo pode ter um novo local para erguer sua arena no Rio de Janeiro. Depois de conversas sobre terrenos na Barra da Tijuca e Deodoro, a região do Gasômetro é a nova aposta da diretoria rubro-negra.

O prefeito da cidade, Eduardo Paes, postou um vídeo em suas redes sociais onde revelou que a região foi citada por Rodolfo Landim, e abordou qual seria o empecilho para iniciar as negociações, mas reiterou que quer ajudar nas conversas.

“Eu estive com o presidente Landim. A área do Parque Olímpico é uma área privada, que fica mais difícil. Eu fiz uma sugestão de Deodoro, porque tem Transolímpica, trem chegando. E o Landim veio com a ideia do Gasômetro. A gente até lançou um terminal usando uma parte do Gasômetro, também é uma área privada”, disse.

“Eu só acho que o Gasômetro fica muito perto de São Januário (risos). Também é uma área privada, da Caixa Econômica Federal. Da parte da Prefeitura, não tem problema, eles (Pedro Paulo e Landim) vão continuar enchendo o saco. Agora, é uma negociação que o Flamengo tem que fazer com a Caixa Econômica. Eu vou ajudar”, completou.

Na postagem citada, o prefeito aparece com o deputado federal Pedro Paulo, que concordou com Eduardo Paes sobre a complexidade da negociação e brincou com o fato do governante ser vascaíno.

“É uma operação complexa, essa área do Gasômetro é a mais valorizada do Porto Maravilha, o Flamengo vai ter que ser bastante engenhoso com uma solução de construção privada para poder financiar o estádio. A garantia do nosso prefeito vascaíno é que todos os esforços vão ser feitos para o nosso tão sonhado estádio”, finalizou.

El avión se va. Flamengo decide não renovar contrato de Rodinei

Flamengo divulga primeira parcial de vendas para duelo contra o Athletico-PR na Copa do Brasil