in

Gabigol alfineta o Atlético Mineiro após vitória e classificação na Copa do Brasil

Gilvan de Souza / Flamengo

O Flamengo viveu uma noite épica na última quarta-feira (13), no Maracanã, diante de quase 70 mil torcedores, pela Copa do Brasil. O Mais Querido venceu por 2 a 0 (3 a 2 no agregado) o Atlético Mineiro e se classificou para as quartas de final. Muito animado após a partida, Gabigol fez questão de alfinetar o clube mineiro:

“Futebol, acho que é como o Dorival falou para nós, mudam os personagens, mas a história é sempre a mesma. Eles tiveram a chance de matar a gente e não mataram. Aí vieram para o inferno, e a gente os matou (risos)”, disse Gabigol à ‘FLA TV’.

“Falei dentro do campo que aquele gol poderia classificar a gente, tenho uma final de Copa do Brasil, e sabia que um gol fora de casa poderia muda o jogo todo. Estavam num momento melhor do que o nosso, poderiam fazer mais gols, mas alguns jogadores… alguns não, um jogador estava fazendo muita gracinha dentro de campo. Estava virando a cara e dando risadinha para o nosso banco”, completou.

“Se perder sábado já é vaia… estou brincando (risos). Acho que pode ser um divisor de águas. Jogamos contra uma grande equipe e grandes jogadores. Sabíamos que tínhamos que nos doar ao máximo para fazer resultado. Conseguimos com o apoio da torcida, obviamente. Acho que treinamos muito bem nesses dois dias, o professor foi muito feliz nas escolhas e nos movimentos. Fico muito feliz em saber que os gols foram trabalhados, gols que a gente pôde trabalhar no dia a dia”, concluiu.

Jornalista freia empolgação com titular do Flamengo

Mauro Cezar Pereira analisa jogo do Flamengo e elege o melhor em campo e liga sinal de alerta para medalhão