in ,

Flamengo vence o Fluminense e é Hexa do Carioca Feminino

Paula Reis / Flamengo

Na tarde desta sexta-feira (26), o Flamengo empatou com o Fluminense por 1 a 1, na Gávea, mas na decisão por pênaltis, o time rubro-negro levou a melhor e conquistou o título do Campeonato Carioca Feminino de forma invicta. Darlene marcou o gol rubro-negro no tempo normal. Stella, Jayanne e Andressa converteram as penalidades.

As Meninas da Gávea começaram a partida pressionando a equipe tricolor. Aos quatro minutos, a primeira boa oportunidade foi criada pelo Fla. Sorriso cobrou escanteio na área e Cida cabeceou firme para boa defesa de Nicole. O time rubro-negro fazia uma marcação sob pressão e dificultava a saída de bola do Fluminense.

A bola parada era uma boa arma para o Mais Querido. Aos 18’, após novo escanteio cobrado na área, Stella subiu e cabeceou com perigo. Aos 34’, o Mengão abriu o placar com um golaço! Darlene passou por duas no meio e soltou um foguete da intermediária, acertando um belo chute no ângulo direito da goleira tricolor: 1 a 0. Nos acréscimos da primeira etapa, Luany marcou para o Fluminense e deixou o confronto empatado: 1 a 1.

No início do segundo tempo, Sorriso cobrou escanteio na área e Stella pegou de primeira. A bola passou raspando a trave. A equipe das Laranjeiras voltou mais ofensiva e chegava ao ataque com mais frequência. Na parte final, o Fluminense ficou com uma jogadora a menos com a expulsão de Jéssica Bahia.

Com a superioridade numérica, o Flamengo passou a ficar com a bola no campo de ataque em busca do gol da vitória. Aos 38’, Dani Ortolan recebeu em posição legal dentro da área, mas concluiu por cima da meta. Aos 47’, Kaká fez uma grande defesa e impediu o gol tricolor. As Meninas da Gávea pressionaram até o último minuto, mas a decisão foi para os pênaltis.

Nas penalidades, o Mengão levou a melhor, fez 3 a 0 e conquistou o hexacampeonato do Carioca Feminino. Stella, Jayanne e Andressa converteram as cobranças para o Mais Querido.

Edmundo aponta fragilidade do Flamengo e aposta em título do Palmeiras

Medalhão exalta qualidade do elenco rubro-negro: “Temos qualidade para jogar uma Champions League”