in

Sem plim-plim: Globo sofre punição e não terá profissionais trabalhando na final da Libertadores

Reprodução

A ansiedade toma conta das torcidas e dos jogadores de Palmeiras e Flamengo, que contam os minutos para enfim saber quem sairá com o troféu da Libertadores da América. No entanto, fora das quatro linhas, uma guerra silenciosa foi travada entre a Rede Globo e a Conmebol. E a entidade máxima do futebol sul-americano levou a melhor.

Desde a quebra de contrato da emissora carioca com instituição, a relação entre as empresas ficou bastante abalada nos bastidores. E parece que agora estremeceu de vez. Isso porque, a entidade puniu a emissora, que não terá nenhum profissional cobrindo a decisão do principal torneio do continente.

A penalidade se deve ao fato de uma exibição ‘pirata’ da coletiva de imprensa do treinador Abel Ferreira, durante as semifinais da competição. De acordo com a regra, somente as emissoras detentoras dos direitos de transmissão – Grupo Disney, SBT e a Conmebol TV – podem exibir imagens ao vivo. Sendo assim, a entidade não permitiu que nenhuma credencial para a cobertura do evento fosse liberada a nenhum profissional da Globo. As informações foram divulgadas em primeira mão pelo jornalista Gabriel Vaquer, do portal “Notícias da TV”.

A penalidade, inclusive, também serviu para a final da Copa Sul-Americana, que aconteceu no último sábado (20), quando o Athletico-PR se sagrou campeão ao bater o Red Bull Bragantino por 1 a 0. Neste jogo, a Rede Globo não enviou nenhum profissional para cobrir o evento, pois tivera as credenciais negadas pela Conmebol.

Mesmo punida e proibida de ter acesso ao Centenário, a Rede Globo estuda formas alternativas de enviar produtores ou repórteres de sites à decisão continental, que terá início às 17h (horário de Brasília) deste sábado (27). A emissora está em busca de convites e ingressos de público geral. Alguns nomes da equipe, inclusive, já estão presentes no Uruguai e acompanham todo o trâmite.

Destaque do Flamengo, jogador surpreende e avisa que vai se aposentar de forma “precoce”

Flamengo vence o Fluminense pela Superliga de Volei