in

Vampeta declara ser ‘Anti-Flamengo’ e defende a permanência de Renato Gaúcho

Divulgação

A paciência da torcida com o técnico Renato Gaúcho acabou definitivamente. Depois de viver uma pequena “lua de mel” devido aos ótimos resultados nos primeiros jogos sob sua gestão, o treinador vive seu pior momento à frente da equipe carioca, sendo muito criticado pelos últimos resultados na temporada. E o pesadelo aumentou após o empate em 2 a 2 com a Chapecoense, última colocada na tabela de classificação e virtualmente rebaixada para a Série B. Vivendo um inferno astral, o comandante da equipe carioca se viu mais uma vez no olho do furacão e novamente virou o principal alvo da imprensa e de torcedores que exigem a sua demissão imediata.

O ex-jogador Vampeta vai na contramão da imprensa e defende a permanência do treinador. Para defender sua teoria, ele citou os exemplos de Cuca, do Atlético-MG, e Abel Ferreira, do Palmeiras, que também enfrentaram muitas desconfianças na atual temporada e conseguiram dar a volta por cima. De acordo com o comentarista, Renato Gaúcho deveria ter mais tempo no comando do clube carioca.

“Há um mês, o Cuca foi eliminado pelo Palmeiras e todo mundo falou que o Atlético-MG não deu um chute depois que tomou o gol. Agora o Cuca é o melhor treinador do Brasil. O Abel estava sendo massacrado, ganhou quatro jogos agora… Vamos esperar a final da Libertadores, se o Flamengo não ganhar, ele é tudo isso que estão falando (críticas), se ganhar, ele vai pousar aqui…”, disse Vampeta na Jovem Pan Esportes, que ainda citou a eliminação do Palmeiras na Copa do Brasil para o CRB.

“Esse papo só está rolando porque o Flamengo empatou ontem e foi prejudicado. E eu sou ‘anti-Flamengo‘”, comentou Vampeta. O Rubro-Negro reclama de dois lances cruciais no empate contra a Chape, ambos envolvendo Gabigol.

Flamengo está escalado com time alternativo para enfrentar a Chapecoense

Jornalista detona Renato Gaúcho e lista cinco treinadores brasileiros que ‘sabem mais’ taticamente