in

Conmebol deve punir Flamengo por motivo curioso na Libertadores

Foto: Divulgação/Conmebol

Depois da sonhada classificação para a final da Libertadores da América, o Flamengo pode sofrer uma punição da Conmebol. Isso por que o clube carioca, segundo a entidade não devolveu cinco coletes usados por jogadores titulares e reservas no aquecimento para o duelo diante do Barcelona de Guayaquil, na última quarta-feira (29), no Equador.

Por essa denúncia o Mais Querido foi enquadrado por descumprir o artigo 5.4.2 do regulamento da Libertadores, que é dedicado justamente sobre a distribuição, e devolução obrigatória dos coletes fornecidos aos clubes, gandulas e toda a imprensa presente no campo de jogo. Responsável por reger o futebol sul-americano, a Conmebol foi notificada pelo delegado da partida que o clube brasileiro não devolveu “cinco coletes de cor verde musgo”. Na partida, os atletas rubro-negros utilizaram coletes laranja e verde.

O caso será avaliado pela Comissão Disciplinar e o Flamengo pode ser multado em US$ 5 mil (cerca de R$ 27 mil na cotação atual). O clube carioca tem até o dia 7 de outubro para apresentar sua defesa. Recentemente, o Flamengo foi multado em US$ 12 mil (R$ 62 mil) pela Conmebol por ter atrasado no duelo contra o Olimpia e atrasado o início do protocolo da entidade para a partida das quartas de final da Libertadores.

Dirigente do Fla celebra receita bilionária e alfineta o Galo

Veja a artilharia da Libertadores de 2021