in

Conversa de Landim sobre os jogadores é exposta

Reprodução

E a derrota de virada para o Fluminense na última quarta-feira (06) ainda está ecoando nos bastidores do clube. O vice-presidente de futebol Marcos Braz se tornou um dos principais alvos da torcida nas redes sociais. Assim como o técnico Rogério Ceni, que também foi duramente criticado, sendo até oferecido ao Fortaleza por alguns torcedores em tom de brincadeira. Mas uma questão em especial foi amplamente debatida nas redes sociais. A queda vertiginosa de alguns atletas, e o nome de Everton Ribeiro foi o mais comentado.

É notório que o desempenho do capitão rubro-negro caiu muito desde a convocação para a seleção brasileira. Sempre apontado como um dos cérebros do meio campo rubro-negro, o camisa 7 parece ter esquecido o futebol na seleção, e desde que o técnico Rogério Ceni assumiu, sua genialidade sumiu.

No entanto, o treinador confia muito no meia, e mesmo com rendimento bem abaixo, dificilmente ele é substituído, e tal teimosia de Ceni também foi muito comentada nas redes sociais. E o burburinho aumentou quando a ESPN Brasil expôs algumas conversas do presidente Rodolfo Landim com outros membros da diretoria.

O mandatário teria feito uma série de reclamações, e comentando o esforço que a diretoria fez para manter o elenco estrelado com salários em dia tenha sido em vão. Para o cartola o verdadeiro motivo da pífia temporada é a acomodação. E a metralhadora de Landim foi apontada para dois jogadores em especial: Everton Ribeiro e Willian Arão.

De acordo com a reportagem do portal “BolaVip”, que conversou com um dos membros da diretoria rubro-negra que teria dito que alguns atletas já não “correm como corriam”, e a forma física do grupo “está abaixo do aceitável”.

Desperdiçar oportunidades para ser líder ou encostar no primeiro colocado tem sido uma constante na vida do Rubro-Negro, que viu o São Paulo ser goleado pelo Red Bull Bragantino por 4 a 2. O clássico contra o Fluminense não valia o primeiro lugar da tabela, mas uma vitória recolocaria o Flamengo em condições de vencer o título.

Agora, o Flamengo, estacionado com 49 pontos, já mira a partida contra o Ceará, também no Maracanã, no próximo domingo (10). A esperança rubro-negra está no jogo atrasado que a equipe ainda tem a cumprir, além de um confronto direto contra o São Paulo na última rodada do Campeonato Brasileiro. Até onde se sabe, a demissão de Ceni não foi cogitada em nenhum momento, já que a diretoria vê o elenco como principal culpado pela má fase.

Time francês quer Thuler e Flamengo pode abrir negociação

Bruno Henrique faz declaração sobre o Fla x Flu – “Ficamos tristes e envergonhados”